quinta-feira, outubro 31, 2013

Oh no, she didn't!! =P


A coisa mais fofa de sempre!!

Eu levava-o para casa! A sério que o levava!!

E hoje é dia de "Last Vegas" xD

Bora lá nos rir um bocadinho!! 
 Só espero é que o filme seja tão bom como o trailer!!

Sinopse:
Há já quase seis décadas que Billy, Paddy, Archie e Sam são os melhores amigos. Quando Billy decide abandonar (finalmente) a sua condição de celibatário e casar com a sua jovem namorada, os quatro seguem em direcção a Las Vegas com a firme intenção de reviver os velhos tempos e tomar a cidade de assalto, numa despedida de solteiro nunca antes vista. Porém, como depressa virão a descobrir, não foram apenas os seus velhos corpos que sofreram transformações. Las Vegas, a cidade do pecado, também parece ter mudado alguma das suas regras. 
Realizada por Jon Turteltaub ("Enquanto Dormias", "O Tesouro"), uma comédia que conta com quatro dos mais bem-sucedidos (e oscarizados) actores de Hollywood: Michael Douglas, Morgan Freeman, Robert De Niro e Kevin Kline.

Happy Halloween xD

quarta-feira, outubro 30, 2013

A razão mais bonita e triste de sempre para deixar a porta de casa destrancada

Esta é capaz de ser a declaração de amor mais bonita que eu já alguma vez ouvi na minha vida. Ainda estou "Uau!! Isto sim é amor!". Como irão perceber, Neil Hilborn sofre de um distúrbio obsessivo-compulsivo, mas isso não o impediu de se apaixonar... e é sobre isso mesmo que eles fala neste video excepcional.

Já sei de que me vou mascarar amanhã!! =P


Momento fofo do dia

terça-feira, outubro 29, 2013

Acabadinha de sair da AE "Carrie" :D



Sinopse:
Carrie White (Chloë Grace Moretz) é uma adolescente tímida e solitária, educada pela sua fanática e psicótica mãe (Julianne Moore), que exerce sobre ela uma enorme influência. Após um incidente nos duches do liceu, a professora de ginástica exige que as colegas de Carrie alterem a sua atitude de hostilidade. É por isso que Sue (Gabriella Wilde), envergonhada com a sua própria crueldade, decide não só obedecer às ordens como convencer o próprio namorado a convidar Carrie para o baile de formatura. Mas a atitude da professora gera também o desejo de vingança em Chris (Portia Doubleday), outra colega, que elabora com o namorado um plano maquiavélico para a noite do baile. Porém, o que ninguém imagina é que Carrie tem poderes telecinéticos e que a sua humilhação e raiva vão desencadear a maior tragédia que a cidade de Chamberlain alguma vez presenciou...
Com realização de Kimberly Peirce ("Os Rapazes não Choram"), uma versão cinematográfica actualizada do clássico de terror de Stephen King, depois do sucesso da obra de Brian De Palma, de 1976, que contou com Sissy Spacek, Piper Laurie (ambas com uma nomeação para um Óscar) e John Travolta nos papéis principais.

The only option.

Understanding the truth is our only option.

Momento fofo do dia

E aí vou eu ver o "Thor: O Mundo das Trevas" :D

Ai Chris, Chris!! Mas que grande martelo =P Lol!!

Sinopse:
Thor (Chris Hemsworth), deus do trovão, filho de Odin, é o lendário herdeiro de Asgard. Ele sabe que está destinado a defender o planeta Terra e a totalidade dos Nove Reinos das temíveis garras de uma antiga linhagem liderada pelo vingativo Malekith, que se prepara para conquistar todas as raças e mergulhá-las nas trevas. Perante algo que já ninguém tem esperança em vencer, Thor embarca na sua mais pessoal e perigosa aventura, que o levará a reencontrar Jane Foster e o irá forçar aos maiores sacrifícios para salvar o Universo. 
Pelas mãos do realizador Alan Taylor, surge a sequela do filme de 2011, realizado pelo inglês Kenneth Branagh, numa nova adaptação das aventuras do famoso super-herói da Marvel, criado por Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby, na década de 60. Os actores Natalie Portman, Tom Hiddleston, Anthony Hopkins, Stellan Skarsgård e Christopher Eccleston dão vida a algumas das personagens.

segunda-feira, outubro 28, 2013

Postsecret da semana










Opah, eu tenho de ter esta pulseira!


My new look (",)

Control is merely an illusion

Emily: “In order to regain control we must sometimes relinquish it. ... But the most dangerous truth of all is that control is merely an illusion.”

Momento fofo do dia:

A surpresa mais romântica (e geek) de sempre!! =)

Amei!! Quem diria que o Howard que conhecemos nas primeiras seasons da Teoria do Big Bang conseguia ser tão romântico?! Mas esta é apenas uma das muitas razões que faz desta uma das minhas séries favoritas.

domingo, outubro 27, 2013

Pergunto-me se...

Será possivel sentir-se falta daquilo que nunca se teve?



Please, Please, Please, Let Me Get What I Want



“You don’t get to have everything or everyone you want. And a lifetime of wanting is less poetic than you once thought. Let him/her go.” 

Miranda July

sábado, outubro 26, 2013

Será que és capaz de abrir mão do controlo?

"Ceder o controlo é a suprema libertação."
Logan Belle

O caminho do destino

Nós acreditamos naquilo que queremos acreditar, que escolhemos acreditar. E, muitas vezes, escolhemos fugir sem entender que qualquer caminho que tomemos nos vai levar de encontro directo ao nosso destino.

Como é que preferes as tuas mulheres?

He likes his women like he likes his board games. | LOLBRARY.COM

sexta-feira, outubro 25, 2013

quinta-feira, outubro 24, 2013

Desires

I want you over my bed and under my skin. 
You are the lover I've always desired. 
Your touch, your smell, your kiss. My body craves your soul.

Comecei a ver: Masters of Sex



"Women often think that sex and love are the same thing but... they don't even have to go together."

Masters of Sex é uma série adaptada da obra de Thomas Mailer, intitulada "Masters of Sex: The Life and Times of William Masters and Virginia Johnson, The Couple Who Taught America How to Love", de 2010, ou seja, é uma série baseada numa história real. A obra narra as experiências conduzidas pelo Dr. William Masters e sua assistente Virgínia Johnson na década de 1950, sobre o comportamento sexual do ser humano e a forma como o corpo reage ao acto sexual. Na época, o único relatório que existia sobre o assunto era o de Alfred Kinsey, realizado entre as décadas de 1940-1950, que, para Masters, era limitado, pois apenas se baseava em entrevistas. Ele queria que sua pesquisa fosse realizada com base em observações científicas do acto sexual em si, que foi o que se sucedu.

Uma série muito interessante.

Oh, gosto tanto desta conta p'ra Pandora!!


E o mundo não estava mais triste.

Deitou-se e contemplou as estrelas. Pensou no que aquilo significava para si. Não se tinha imaginado ali. Acontecera tudo tão rápido... Tinha quebrado todas as suas regras, algumas impostas há tanto tempo que pareciam mais mantras que outra coisa qualquer. Deixara-se levar. Não havia qualquer afloramento de arrependimento em si mas perguntava-se se teria valido a pena. Queria que a resposta fosse positiva. Queria sentir que havia algo mais que aquilo. Queria que tivesse significado. Mas apercebeu-se que não, enquanto jazia naquela cama sozinha. E o mais pertubador era que nada tinha mudado. As estrelas continuavam a brilhar indiferentes a si. E o mundo não estava mais triste. Nem mais feliz. Mas ela... mudara.

quarta-feira, outubro 23, 2013

AE "Dá Tempo ao Tempo" - Crítica

Sinopse: 
Aos 21 anos, Tim Lake (Domhnall Gleeson) descobre que consegue viajar no tempo… Após mais uma insatisfatória festa de Ano Novo, o pai de Tim (Bill Nighy) revela-lhe que os homens da sua família sempre tiveram a capacidade de viajar no tempo. Tim não pode mudar a história, mas consegue alterar o que acontece ou aconteceu na sua própria vida – então, decide tornar o seu mundo um lugar melhor… arranjando uma namorada. Infelizmente, esse feito tornou-se mais complicado do que previa. Ao mudar-se de Cornwall para Londres, para estudar advocacia, Tim finalmente conhece a belíssima, mas insegura, Mary (Rachel McAdams). Apaixonam-se, mas um lamentável incidente nas viagens pelo tempo faz com que ele nunca a tenha conhecido. 
Assim, voltam a encontrar-se pela primeira vez, várias vezes, até que, finalmente, depois de muita astúcia a viajar no tempo, ele conquista o seu coração. Tim utiliza o seu poder para criar o pedido de casamento perfeito, para salvar o seu casamento dos piores discursos dos padrinhos e para salvar o seu melhor amigo de um desastre profissional. Mas conforme a sua vida progride, Tim descobre que a sua habilidade única não o pode salvar das mágoas, amores e dissabores que afetam todas as famílias, em todo o lado. São grandes os limites para o que se consegue com as viagens no tempo, assim como os perigos.

(In)confidência:
E só tenho uma coisa a dizer: o filme é sensacional!! De tal forma que não me importava de ir ao cinema e vê-lo de novo! E quem me conhece sabe muito bem o que significa eu estar a dizer isto!! Eu não tava mesmo à espera que fosse tão bom! Muito ao género de "A mulher do viajante do tempo" e de "Efeito borboleta" mas com uma pitada de comédia à mistura.

E a verdade é que já há muito tempo que não me ria tanto num filme. Era mesmo aquilo que eu estava a precisar.

Já para não dizer que este é daqueles romances que qualquer rapariga deseja ter =) Bem qualquer rapariga não sei, pelo menos esta aqui sim! =P

Adorei particularmente a cena do metro em que se vai vendo a evolução da relação dos personagens principais, enquanto ao fundo se vê (e ouve) Jon Boden, Sam Sweeney e Ben Coleman a tocar o tema prinicpal do filme "How Long Will I Love You?".

Ainda por cima, antes do inicio da sessão, tivemos direito a uma actuação da Lúcia Moniz e do João Só do tema principal do filme e do tema "Sorte Grande" xD Um momento realmente mágico no Teatro São Jorge.

O modelito de hoje:

E se eu agora apanhasse um sem destino?

Amo de paixão!!


terça-feira, outubro 22, 2013

Don't run.


There're things worth figthing for.
Life is what happens between plans.

Secrets


"If we knew each other's secrets, what comforts we should find." 

John Churton Collins

segunda-feira, outubro 21, 2013

E o Discovery Day 2013 foi assim:

E quem é que aparece toda contente ao minuto 1:14?!
E no minuto 2:40 a descer em rappel?! Ah pois é, bebé!!

As minhas séries já recomeçaram quase todas!! =)

E eu já ando em maratona semanal!! É que todos os dias tenho um episódio novo de uma delas para ver (sim, porque eu ando a ver ao mesmo ritmo a que saem na América)!! =) Por isso, já estão a ver como é que as minhas noites semanais acabam! =P

Então, vejamos o que ando eu a ver:

Arrow - season 2

Esta foi daquelas que comecei a ver à pala de um amigo meu, que ainda por cima entretanto deixou de ver (não é menino Zé?! Agora com quem é que eu comento os episódios, hein?!).

I think I'm gonna pray for... me!!! O que não te mata, a mim... ai meu Deus!! É que este gajo é bom todos os dias!! Não sei se o meu coração vai aguentar!! =P

Glee - season 5

Infelizmente, já foi confirmado que esta será a última temporada de Glee... a morte de Cory Monteith veio assim trazer este rumo inesperado a esta série, visto que Finn, a personagem interpretada por ele, era uma das personagens principais desta série, que fazia par romântico com a Rachel, também sua namorada na vida real. Uma situação que acredito não ser fácil de lidar para ninguém...

Pensei que o primeiro episódio fosse logo ser o de despedida de Finn da série, mas os produtores optaram por abrir com dois primeiros episódios dedicados aos Beatles. Desta forma, o terceiro episódio é um tributo a Finn, que também morre na série. Sendo que na série não se sabe como ele morre... os produtores preferiram focar-se na forma como ele viveu do que na forma como ele morreu. uma forma bonita de relembrar alguém.

E depois de um episódio que não deve ter sido fácil de gravar, a série encontra-se agora numa pausa de duas semanas.

New Girl - season 3

O que posso eu dizer?! Eu adoro a Zooey, desde o momento em que a vi no filme "500 dias com Summer", ou não fosse ele um dos meus filmes favoritos!! E a personagem que ela interpreta nesta série é simplesmente adorável!!

E depois de duas seasons à espera que o amor acontecesse... parece que é finalmente nesta!! =)

Once upon a time - season 3

Apesar de ser da opinião que a 2ª temporada não foi tão boa quanto a primeira, a verdade é que adoro o conceito desta série. Adoro o facto de todas aquelas histórias que nós conhecemos desde crianças se entrecruzarem e de não serem propriamente aquilo que estamos à espera, e adoro o facto da mesma pessoa poder ser uma personagem numa história e ser outra personagem noutra, sem deixar de ser ela mesma, devido às histórias estarem todas interligadas (e apesar de querer dar exemplos não o vou fazer para não fazer spoilers).

Já agora... Oh meus senhores, fazerem promos de uma nova season com imagens da antiga?! Por favor... É mesmo caso para dizer: You only had one job!! =/

Revenge - season 3

O que dizer de uma temporada que começa com a protagonista a ser alvejada no seu dia de casamento?! Uau, é o minimo!! E é assim mesmo que esta temporada começa, com uma prolepse do que aí vem, nos levando depois de volta para os 3 meses anteriores àquele momento. Acho que não tenho de vos dizer como estou em pulgas para saber o que raio vai dar asos àquilo!

Ah, e quem é que aparece logo no primeiro episódio desta temporada!! O nosso Hot Jesus: Diogo Morgado no seu melhor!! É uma passagem curtinha, mas dá para lavar os olhinhos!! Por falar nisso, tenho e ir ver a Biblia (sim, shame on me que ainda não vi!).

The Big Bang Theory - season 7

Esta é a minha série de comédia favorita, e não me interessam o que possam dizer!! É o meu tipo de humor!! (E sim, eu sou geek!! Ok, eu admito!!) Se bem que dispensava o laugh track, coisa que tinha esperança que desaparecesse nesta temporada mas ainda não foi desta =/

The Walking Dead - season 4

Bem, o que é que eu posso dizer sobre esta série?! Marta... zombies... Marta... zombies... Não há muito mais que eu possa dizer pois não?! A não ser que o primeiro episódio desta temporada quebrou o recorde de audiência da série com 16 milhões de espectadores!!

A proposta de casamento mais inesperada de sempre!!!


Muito bom!! Aposto que a namorada, Brynn Hathaway, nunca imaginou que fosse ser pedida em casamento por Matthew Gencarella, pelo menos não naquele momento!! :)

domingo, outubro 20, 2013

Postsecret da semana






Republicar "O Bom, o Mau e o Vilão"


Boa tarde, como está, estou a ligar em má altura? 
Quem fala? Sou eu, o seu gestor de silêncios. 
Ah, olá, passa-se alguma coisa? 
Tem a ver com a gestão do seu saldo. 
Hmmm, algum problema? 
Recebemos um alerta automático...e quando assim é, sou obrigado a avisá-lo. 
Fiz alguma coisa que não devia. 
Bem, temos registo de alguns silêncios desconfortáveis e também vários depósitos de palavras contidas. 
Ok.... 
Vê, é isto a que me refiro, como seu gestor, devo aconselhá-lo a dosear melhor o seu silêncio. 
Certo, mas o silêncio não é de ouro? 
Exacto, por isso é que não deveria andar a gastá-lo nos sítios errados. 
E o que é que isso quer dizer ao certo? 
Quer dizer que só posso aconselhá-lo em relação ao seu silêncio, não à sua conduta. 
Ah, isso já cai fora da vossa jurisdição, é por aí? 
Exacto, talvez deva experimentar ligar para o Departamento de Sensibilidade, Bom Senso e Orgulho? 
O Orgulho também é desse departamento? 
Agora é, sabe como são as coisas, estão a fundir departamentos. 
Certo... 
Só mais um conselho. 
Diga. 
Não abuse das reticências, que eu depois passo o dia inteiro a receber notificações com alertas por causa disso.

It seems that...


nowadays, everyone is getting either married, pregnant or having a divorce. 
Screw them! I'm single!!

Expectation is the root of all heartache.


You don't get it.

Dylan: So, it's always just about sex then? 
Tommy: No. I've been in love. I went down that rabbit hole. You know what I discovered? It's not who you wanna spend Friday night with. It's who you wanna spend all day Saturday with. Do you know what that feels like? 
Dylan: Yeah. But then it's every Saturday for the rest of your life. 
Tommy: That's okay. You don't get it. It's no big deal. But you will. One day, you'll meet someone and it'll literally take you breath away. Like, you can't breath. Like, no oxygen to the lungs. Like a fish... 
Dylan: Yeah. I...I get it, Tommy. 
Tommy: Yeah. You don't.